BENEFÍCIOS DA NATAÇÃO PARA BEBÊS


Você sabia que a natação é a atividade física recomendada para bebês? Essa prática, além de oferecer mais segurança aquática à criança, contribui para o desenvolvimento físico, motor, emocional, social, afetivo e ainda ajuda no combate à doenças.



BEBÊS E ATIVIDADE FÍSICA

Segundo a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), os bebês até dois anos devem ser ativos diariamente, com atividades adequadas a sua fase de desenvolvimento, evitando permanecer em comportamentos sedentários por longos períodos.


“Ser fisicamente ativo todos os dias é importante para a promoção da saúde integral de crianças e adolescentes. É fundamental que as atividades sejam prazerosas e adequadas ao estado individual de crescimento e desenvolvimento da criança/adolescente.”

Manual de Orientação sobre Atividade Física na infância e adolescência - SBP


Enquanto algumas atividades desportivas não são indicadas sobre um corpo ainda em formação ,devido a ação da gravidade, a natação não tem restrições de idade, pois a gravidade na água é reduzida. Estudiosos e especialistas recomendam a natação para bebês o quanto antes, pois os pequenos, ainda acostumados com o meio líquido dentro do útero materno, podem recuperar muitos dos reflexos neonatais com facilidade.


IDADE - Não existe um consenso sobre a idade ideal para iniciar a natação, mas muitos especialistas e metodologias competentes recomendam o início a partir dos seis meses, quando o bebê já recebeu as vacinas e está protegido contra as principais doenças. A faixa etária definida como “bebê” se estende até os 36 meses.


Nos primeiros anos de vida da criança, há um processo intenso de maturação. O desenvolvimento emocional acontece aos 2 anos e, até os 5 anos de idade, é possível já ter 90% do cérebro preparado para o futuro. Sendo assim, atentar para o desenvolvimento dos pequenos é essencial.


A estimulação precoce, definida como atividades e brincadeiras que propiciem, fortaleçam e desenvolvam adequadamente seus potenciais humanos, estimula as crianças a tornarem-se mais completas, trabalhando o controle emocional, a sensação de segurança, ampliando a habilidade mental, facilitando aprendizagem, a curiosidade e a imaginação. A prática da natação ainda é capaz de acelerar o domínio do próprio corpo, ajudar a tomada de consciência de si, do meio e do outro, melhorando a qualidade de vida de um modo geral.


Veja a seguir:



FÍSICO, MOTOR E SENSORIAL


Os exercícios para bebês no meio líquido conduzem-nos ao descobrimento do próprio corpo e ordenação dos movimentos, respeitando a sua fase de maturação. Eles fortalecem a musculatura, colaboram com a lateralidade, o equilíbrio, o controle da respiração, a coordenação motora ampla, a orientação espacial e temporal.

As propriedades da água, como a perda de gravidade, possibilitam ao bebê a realização de uma enorme variedade de movimentos. Esse estímulo pode levar a criança a engatinhar e até caminhar mais cedo. A natação também aumenta a capacidade cardiorrespiratória e vascular, estimula o apetite e tranquiliza o sono.


A prática destes exercícios ainda age na formação e ampliação das redes neurais, aumentando o número de sinapses e melhorando a capacidade de memorização, adaptação e inteligência.



PSICOLÓGICO, SOCIAL, AFETIVO E COGNITIVO


Até os dois anos, as aulas são ministradas junto com pais na piscina, este relacionamento de confiança e afetividade ajuda a criança perder o medo inicial do ambiente aquático e das pessoas novas, para aprender sentindo segurança e alegria.


O desenvolvimento da inteligência emocional fará uma aproximação entre os bebês, seus familiares e o professor, colaborando de maneira significativa para o seu desenvolvimento sócio-afetivo, justamente na fase que ele acontece (2 anos).


Este equilíbrio emocional e o relacionamento com os outros, além de favorecer a sociabilização, prepara a criança para conquistar determinados objetivos, favorecendo o desenvolvimento da auto-estima. Tal controle ainda ajuda a diminuir a angústia a melhorar a ansiedade, por meio da exploração da fantasia e ludicidade, pois leva a criança a entender outros pontos de vista, tomar decisões e solucionar pequenos problemas, acelerando seu desenvolvimento intelectual. Acontece também na natação um relaxamento psíquico, como consequência da liberação de energia com os exercícios e do relaxamento muscular provocado pela água.


Após os dois anos, o bebê já é capaz de entender comandos, esperar e obedecer, assim, está apto a fazer aulas sem os pais. Isto ajuda a conduzir a criança no processo de autonomia e independência de forma prazerosa, enquanto amplia sua consciência corporal e liberdade de movimentos.



RECREAÇÃO E LUDICIDADE


As aulas de bebê devem ser conduzidas de forma lúdica, pois através de brincadeiras e musicalidade, os pequenos conseguem assimilar os exercícios, trabalhar a coordenação motora, ritmo e até a memória. A ludicidade ainda ajuda na associação da atividade física com prazer e diversão, fortalecendo sua autoconfiança.



CONTRA DOENÇAS


A natação previne e auxilia no tratamento de doenças respiratórias, como gripes e resfriados, pois além de melhorar a imunidade da criança, o ambiente da piscina úmido e quente, funciona como uma inalação, eliminando a secreção e desobstruindo as vias aéreas. Crianças com asma e bronquite podem ter grandes benefícios com a prática dessa modalidade.

Ela ainda atua no tratamento de problemas posturais, ortopédicos e ajuda a corrigir deficiências do sistema circulatório.



AUTO-SALVAMENTO


A vivência da natação pode preparar a criança psicológica e neurologicamente para o auto-salvamento. Os bebês são estimulados a desenvolverem habilidades capazes de diminuir o risco de afogamento em caso de acidentes, como: trancar a respiração para não engolir água, flutuar de barriga para cima e respirar nesta posição, girar e nadar em direção à borda, sustentar-se em superfície fixa e até sair da piscina. Além disso, os pequenos aprendem que não podem pular na água sem autorização, a esperar e a obedecer.



Praticar natação traz muita saúde e qualidade de vida para todas as idades, em especial, para os bebês. Quanto mais cedo começar, melhor!


Gostou da publicação? Então compartilhe em suas redes sociais e ajude mais mamães e papais a conhecerem os benefícios da natação no desenvolvimento de seus bebês!



FONTES:


UFPB - Os Benefícios da Natação para Bebês de 6 a 24 meses de idade.

EFDPORTES - A importância da prática da natação para bebês

MGB - Natação para bebês

SBP - Promoção da Atividade Física na Infância e Adolescência

UNIVAP - Natação para bebês de 03 a 24 meses

44 visualizações
ARENA CLUB SARANDI

(44) 3042-1517

(44) 99821-2239

Rua Vereador José Fernandes, 1018

Jardim Panorama - Sarandi, PR.

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon
ARENA CLUB LONDRINA

(43) 3336-1117

(43) 99941-7158

Rua Professor Júlio Estrella Moreira, 860 - Lago Parque, Londrina - PR.

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon

© Arena Club.