Nado Borboleta: uma força a mais para o seu corpo

O Nado Borboleta tem esse nome por ser inspirado na batida de asas da borboleta, que constitui as braçadas desse estilo. Enquanto isso, o corpo submerso faz fortes ondulações.


Assim como o Nado Peito, o borboleta é bastante complexo que exige grande coordenação motora, percepção espacial e temporal.


Ele é considerado o nado mais bonito, devido a amplitude do movimento. É o único em que tronco sai para fora da água, o que exige bastante da força.


A boa notícia para quem está aprendendo é que quanto melhor for a técnica, menor será a quantidade de força aplicada.



Conheça as principais características da técnica:

- As pernadas são simultâneas entre si, ou seja, ambas fazem movimentos verticais ao mesmo tempo;

- As braçadas também são simultâneas entre si;

- A cada ciclo de braçadas, faz-se duas pernadas;

- O ciclo de pernadas é composto por: pernada leve + ondulação + pernada forte;

- As pernadas acontecem em tempos específicos: de entrada e saída dos braços na água.



CURIOSIDADES


- Para a execução do borboleta, é preciso ter muita resistência física;

- Essa movimentação enfrenta maior resistência da água, por isso é mais cansativo;

- Esse estilo tem o menor índice de competidores;

- Geralmente, este é o último nado a ser aprendido, tanto para as crianças quanto para os adultos, pois ele pede uma coordenação mais treinada;

- A respiração deve ser frontal, a lateral não é indicada por poder prejudicar a coluna cervical.



IDADE


Segundo a Metodologia Gustavo Borges crianças de até 5 anos não são aconselhadas a fazer o nado borboleta completo devido à sobrecarga na coluna, porém podem ser estimuladas a fazer a ondulação desde o nível de adaptação, a partir dos 3 anos.


Nessa fase, os pequenos gostam de chamar esse movimento de nado da sereia, nado do tritão, cobrinha e minhocão.


No nível de Aperfeiçoamento 1, por volta dos 7 anos, o ensino das braçadas é introduzido de forma mais leve. Acima dos 9 anos já há mais intensidade.


Para os adultos, a iniciação desse nado acontece após uma melhor ambientação com o meio aquático, preferencialmente, depois do aprendizado dos nados crawl e costas.




SAÚDE


COORDENAÇÃO MOTORA E PERCEPÇÃO ESPAÇO-TEMPORAL

Assim como no Nado Peito, os movimentos complexos deste estilo contribuem para o desenvolvimento motor e a percepção espaço-temporal, pois desempenhar tais gestos desafiadores estimula o cérebro e acaba tornando os movimentos cotidianos mais fáceis.

Saiba mais


CARDIORRESPIRATÓRIO

Em geral, a natação tem ótimos ganhos cardiorrespiratórios. O nado Borboleta pode ser destacado nesse sentido por ter um trabalho de respiração ligado a força.


Os exercícios respiratórios contribuem para o tratamento de doenças como asma e bronquite. Uma melhor respiração também é capaz de trazer ganhos para o raciocínio.


Com o aumento da capacidade cardiorrespiratória, há um significativo aumento da disposição, o que ajuda até na prática de outros esportes.


A prática regular de natação também favorece a circulação sanguínea, ajudando a prevenir e diminuir problemas circulatórios, como hipertensão e entupimento das artérias.


Assista agora, algumas dicas da Metodologia Gustavo Borges com o Thiago.


#nadoborboleta #nados #nadar #natação #saúde

342 visualizações
ARENA CLUB SARANDI

(44) 3042-1517

(44) 99821-2239

Rua Vereador José Fernandes, 1018

Jardim Panorama - Sarandi, PR.

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon
ARENA CLUB LONDRINA

(43) 3336-1117

(43) 99941-7158

Rua Professor Júlio Estrella Moreira, 860 - Lago Parque, Londrina - PR.

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon

© Arena Club.